Casa ecologicamente correta é resistente

Casa ecologicamente correta é resistente

391
Fonte: Lugar Certo
COMPARTILHAR

Tecnologia construtiva stell frame, garante maior acústica e facilidade na montagem de casa ecologicamente correta. Construção em até 90 dias

Casa ecologicamente correta é resistente e construída em até 90 dias
Com aços que fazem o papel de pilares da casa, as paredes recebem preenchimento acústico e térmico

O conceito de construção está mudando no Brasil. A tendência internacional de casas pré-montadas, inimaginável há uma década, já é levada em consideração no processo. A quebra do tabu na construção brasileira segue o padrão já consolidado nos Estados Unidos e em países da Europa e Ásia. Como em uma linha de montagem, as peças que compõem a residência são produzidas em módulos, com mix de matéria prima que alia acústica e resistência ao calor, chuva, raios e frio.

Segundo o arquiteto e especialista na aplicação da tecnologia construtiva stell frame em Brasília, Rutherford Ocampo, todo o processo de produção é sustentável e emite 90% menos CO2 no processo e produzem 85% menos resíduos. Além disso, oferece eficiência térmica ideal para o clima brasileiro, aliado ao design inteligente com fácil processo de montagem e instalação do sistema elétrico da casa. Evitando a quebra de paredes e destruição do acabamento da casa.

“Essa metodologia de construção representa uma mudança de paradigma no Brasil. As construções tradicionais apresentam custos e prazos incertos, que dependem de mão de obra pouco qualificada e com baixos níveis de otimização. O stell frame apresenta inúmeros benefícios para o morador, além de uma contribuição sustentável, que vem sendo levada em consideração na atualidade”, ressalta Rutherford.

Com aços que fazem o papel de pilares da casa, as paredes recebem preenchimento acústico e térmico. Um isolamento produzido em borracha especial evita que os ruídos sejam emitidos ao andar na casa ou seja propagado entre as próprias paredes. Um composto resistente de material reciclado de madeira não inflamável e auto-extinguível compõe os módulos, que não propagam a combustão.

Para quem sonha em ver a casa construída, os longos prazos para finalização das obras são um fator desmotivador. As casas pré-fabricadas apresentam um conceito moderno de entrega em até 90 dias. Além disso, de acordo com o arquiteto, o metro quadrado médio é de R$ 1,9 mil. “Se tempo é dinheiro, essa tecnologia construtiva é uma economia considerável. Além de ser projetada conforme o morador deseja”, explica.

Fonte: Lugar Certo – CorreioWeb

SEM COMENTÁRIO

DEIXE SUA PERGUNTA, COMENTÁRIO OU SUGESTÃO.