Incorporação das Prestações em Atraso ao Saldo Devedor

Incorporação das Prestações em Atraso ao Saldo Devedor

2226
Fonte: Click Habitação
COMPARTILHAR

Incorporação das Prestações em Atraso ao Saldo Devedor: essa medida negocial refere-se ao valor do total em atraso mais os juros de mora e multa, que são incorporados ao Saldo Devedor e diluídos no valor das prestações ao longo do prazo restanteIncorporação das Prestações em Atraso ao Saldo Devedor

Negociação de dívida 

Sabemos que imprevistos acontecem e podem causar dor de cabeça, fazer você perder o sono por não ter onde tirar o dinheiro. 

Para evitar isso, o melhor é que se tenha um orçamento mais flexível, com menos comprometimento na renda com relação as despesas fixas para que tais imprevistos possam ser encaixados nas despesas mensais. 

A negociação da dívida reflete no aumento dessa despesa fixa, uma vez que esta envolve em reestruturação de dívida, portanto mais pagamento de juros.

Por isso, alertamos que a negociação com o Banco deve ser usada de forma racional, conforme a real necessidade e com reprogramação do seu orçamento.

É preciso esclarecer que a negociação de dívida não é obrigatória pelos Bancos. Porém os Bancos se interessam em negociar tais dívidas, desde que o devedor demonstre intenção de pagá-las.

Muitas pessoas acreditam que basta oferecer um valor e o Banco deve aceitá-lo. Mas não é bem assim. Outro grande problema é que, na ansiedade de sair do vermelho, as pessoas acabam aceitando termos de renegociação que já sabem, com antecedência, que terão dificuldade de arcar. 

Incorporação das Prestações em Atraso ao Saldo Devedor

Não há dúvida que a falta de capacidade de pagamento das prestações tem por consequência a imediata inadimplência. Por cláusula contratual, o Banco tem o direito de cobrar a dívida em atraso e também pode incluir o nome do cliente em cadastros restritivos informativos de crédito até que o atraso seja regularizado.

Para evitar a perda do imóvel, os Bancos trabalham com várias alternativas de refinanciamento da dívida.

Entre elas, a incorporação dos encargos em atraso. Essa é uma das prerrogativas mais utilizadas pelos Bancos, para permitir para que o cliente coloque sua dívida em dia. 

O limite de quantidade de prestações a ser incorporada ou a quantidade de incorporações durante a vigência do contrato é definida pelo Banco, uma vez que o aumento do Saldo Devedor ocasiona em aumento do valor do encargo, podendo comprometer a capacidade de pagamento, limitada geralmente em 30% da renda, mas o ideal é comprometer o menos possível (em torno de 20%). 

Dessa forma, o Banco pode exigir que o cliente faça uma nova avaliação de sua capacidade financeira, antes de autorizar a incorporação. 

Outra exigência que pode ser efetuada pelo Banco é o pagamento de valor de entrada, para que a incorporação seja efetivada.  

As consequências da Incorporação das Prestações em Atraso ao Saldo Devedor são: 

  • A prestação de amortização e juros de contrato com sistema de amortização SAC, SACRE ou Tabela Price com Recálculo periódico é recalculada em função do saldo devedor atualizado pro rata die (se for o caso), sistema de amortização, taxa de juros e prazo remanescente.
  • Para os dos demais contratos é reajustada na mesma proporção do valor acrescido ao saldo devedor. 
  • Os valores dos prêmios de seguro são ajustados, com base nas condições vigentes para a apólice de vinculação do contrato. 
  • Quanto ao valor da taxa de administração, este permanece o mesmo após a negociação do contrato.  

Mas lembre-se, para o crédito imobiliário, por se tratar de garantia real, os Bancos podem se apresentar  mais restritivos ou enrijecidos nessa negociação, então use-as de forma adequada e consciente.

Patricia Matayoshi

Especialista no Crédito Imobiliário

Para saber mais sobre as alternativas negociais, veja mais no artigo abaixo ou verifique com o seu Banco as possibilidades.

FGTS para Pagamento de Parte de Prestação

74 COMENTÁRIOS

  1. Olá, boa tarde!

    Meu contrato estava com três prestações atrasadas, fiz a negociação quitei e ficou em dia. Porem quando olho a situação do contrato no site está aparecendo como situação especial impeditiva, procure a caixa. O que pode acontecer agora?

    Obrigada!!!

    • Olá Daniele

      Boa Noite! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Esclarecemos que provavelmente a negociação ainda não foi totalmente implantada no sistema.

      Sugerimos efetivar reclamação por meio de SAC do Banco.
      Informamos que a base de dados para acesso pela internet não tem atualização automática, porém na próxima emissão de boleto você deverá ter acesso.
      Mas faça a reclamação.

      Equipe Click Habitação

  2. Boa tarde,tenho uma casa financiada pela CEF ,atrasei 4 parcelas onde procurei o Banco para resolver essa situação que á estava indo a protesto. eu tinha um saldo devedor de 8044,79 dessas prestaçoes e paguei na renegociação um boleto no valor de 2.252.55 referente a incorporação de encargos em atraso. A atendimente disse que o saldo devedor seria diluido no restante das parcelas ,porém esse mes a parcela que eu iria pagar antes da incorporação era de 1.827,08 ,passou 2.172,40 achei alto esse valor, então que diluição foi essa.Por favor pode mim ajudar dizendo se esse valor esta ou correto?

    • Olá Elbania

      Boa Tarde! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Esclarecemos que o valor relativo as parcelas não pagas são incorporadas ao saldo devedor e a prestação (A+J) e seguros são recalculados em função do novo saldo devedor e do prazo remanescente do contrato.
      Verifique com o banco se este é o encargo novo ou se existem despesas de cobrança que estão embutidas junto no boleto somente deste mês.

      O boleto pode ser capturado na internet:
      Boleto Habitação CAIXA – Como emitir

      Equipe Click Habitação

  3. Meu débito era de 14000 fiz a incorporação dei uma entrada de 9000 o valor da minha parcela e de 876 vai aumentar para quanto o valor das prestações ?

    • Olá Rogério

      Boa Tarde! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Esclarecemos que a prestação (A+J) será recalculada com base no saldo devedor após a incorporação, assim a prestação deverá subir aproximadamente de forma proporcional ao valor incorporado ao saldo devedor.

      Equipe Click Habitação

  4. Como funciona efetivamente o recurso que a Caixa disponibiliza de pausa de até 12 meses nos pagamentos ? é Vantagem? o juro deste período é incorporado no contrato ou precisamos paga-lo ao final do prazo?

    Certo de sua atenção, desde já agradeço

    • Olá Lineu

      Boa Tarde! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Esclarecemos que a pausa é uma opção de negociação que permite uma folga aos mutuários, com dificuldade de pagamentos dos encargos mensais, normalmente deverá haver uma justificativa atrelada a perda de emprego ou de renda.

      O valor que não for pago será incorporado ao saldo devedor e aumentará a dívida a ser paga.
      O valor do encargo mensal será aumentado proporcionalmente em função do aumento do saldo devedor. Ou seja, o valor incorporado será pago no prazo remanescente do contrato.

      Cremos que a vantagem é somente para um momento de real necessidade financeira/orçamentária.
      É uma opção para um momento de crise e para poder possibilitar uma retomada dos pagamentos no futuro.

      Equipe Click Habitação

  5. Senhores, realizei a incorporação de prestações no saldo devedor dois meses atrás, e desde então estou pagando em dia. Posso solicitar acionamento do FGHAB (meu contrato garante esse direito) mas não sei se ter incorporado é impedimento.

    Grato.

    • Olá André

      Boa Noite! Agradecemos a presença no Click Habitação

      Entendemos que esteja se referindo a perda renda para cobertura do FGHAB.
      Não há impedimento na utilização.

      Lembramos apenas que é um empréstimo e que você ficará com 2 dívidas a pagar.

      Equipe Click Habitação

  6. Olá tenho 4 parcelas em atraso. Mas dia dia 5 de outubro recebo o dinheiro para pagar uma. Corro o risco de perder meu imóvel???
    Fico no aguardo

  7. Bom dia,

    Fiz uma incorporação a 1 ano,e hoje novamente estou com 3 parcelas em atraso,pois meu esposo esta sem trabalhar e temos 1 filho pequeno,so estamos com minha renda,tenho direito de fazer outra incorporação depois de 1 ano?

    • Olá Samara,

      Boa Noite! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Esclarecemos que a negociação depende da política interna do Banco.
      Uma segunda incorporação em curto espaço de tempo dependerá das condições e relação entre a dívida e a garantia (valor do imóvel).

      Orientamos a efetivar uma proposta ao Banco.
      Se tiver FGTS procure utilizar o FGTS para pagamento de parte da prestação, já vocês tem dificuldades de pagamento. Veja no artigo:
      FGTS para Pagamento de Parte de Prestação

      Veja as opções negociais disponíveis no artigo:
      Quantas prestações posso atrasar no financiamento habitacional?

      Se o Banco for a CAIXA você pode fazer uma proposta de negociação e inclusive pedir uma moratória ou passar a utilizar o FGTS para pagamento de parte da prestação, se for possível.
      Proposta de Negociação CAIXA

      Equipe Click Habitação

  8. Ola boa noite primeiramente quero lhe parabenizar pela iniciativa deste sait ,e de muita ajuda que o pai criador le abençoe,..bem peço por gentileza que me esclareça uma duvida tenho uma prestação em atraso ..e da qui ums 3dias vence uma outra se pagar essa que vai vencer ,e depois consegui pagar atrasada da certo desde agradeço..

    • Olá Eliezio

      Boa Tarde! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Orientamos a efetivar os pagamentos das prestações o mais rápido possível para evitar qualquer problema de execução da dívida.
      Na situação apresentada cremos que será regularizada a situação do contrato.

      Equipe Click Habitação

  9. Bom dia,comprei minha casa a 1 e 9 meses com parcelas de 2,600 e estou com 3 parcelas em atraso, o banco disse que meu contrato não permite uma incorporação, mas que ela pode tentar e pra tentar eu teria que pagar 3,100 de uma parcela! Eu não tenho esse valor eu consegui o valor de uma parcela de 2,700 porém eles não conseguem tirar os juros! Me ajudem vou perder minha casa.

    • Olá Renata

      Bom dia! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Lembramos que a prerrogativa de negociação é do banco.

      Você não tem FGTS? O uso do FGTS para pagamento de parte da prestação poderia ser uma alternativa. Veja no artigo:
      FGTS para Pagamento de Parte de Prestação

      O contrato é novo, o que leva a supor que houve algum problema ou falta de planejamento visando o pagamento das parcelas.
      Sugerimos ver as opções negociais disponíveis no artigo:
      Quantas prestações posso atrasar no financiamento habitacional?

      Se não tiver condições de negociar sugerimos se desfazer de algum patrimônio, por exemplo, trocar o carro por um de menor valor.
      Procure negociar de forma inteligente e de forma que possa efetivar os pagamentos em dia, evitando sustos como o atual.

      Equipe Click Habitação

  10. Boa tarde,

    Fiz a incorporação de 3 parcelas em atraso este mês referente a JUN/JUL/AGO. Porém, quando fiz a incorporação paguei apenas o mês JUN sendo os demais diluídos no saldo devedor. Agora tenho que pagar o boleto desse mês que venceu sexta feira dia 16/09. não chegou o boleto pelo correios e no site da caixa aparece uma mensagem dizendo que estou impedido de imprimir, sugerindo procurar uma agencia. Como faço nesse caso ? se os bancos estão de greve ? estou preocupado pois não posso atrasar mais este contrato.

    Aguardo Retorno.

    • Olá Rafhael,

      Boa Tarde! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Cremos que não foi efetivado o processamento da Incorporação no sistema do Banco.
      Assim, para sua garantia, sugerimos efetivar a reclamação por meio de SAC do site do banco, para fins de reguardar os seus interesses e inclusive a isenção de mora, pois o banco está em greve.

      Você poderá ter acesso no celular por meio de APP HABITAÇÃO CAIXA. Veja no artigo:
      CAIXA lança APP para serviços financiamento habitacional

      Por telefone:
      A CAIXA disponibiliza serviços de pós-venda da habitação pelos 3004.1105 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800.726.0505 (demais regiões), aos clientes com contratos imobiliários ativos.
      Veja os serviços disponíveis por telefone no artigo:
      Contrato CAIXA Financiamento Habitacional

      Equipe Click Habitação

  11. FIZ O PAGAMENTO DA PARCELA MAIS ATRASADA PARA INCORPORAÇÃO DAS OUTRAS NO SALDO DEVEDOR CONFORME ACORDO COM A CEF, PRECISO SABER COMO FICA A RESTRIÇÃO NO MEU NOME? CONSULTEI O SERASA E SÓ BAIXOU A PARCELA MAIS ATRASADA.

    • Olá Magali

      Boa Tarde! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Esclarecemos que quando a incorporação for efetivada no sistema a baixa dos cadastros informativos de crédito serão efetivadas.

      Orientamos a efetivar uma reclamação por meio de SAC no site do Banco.
      Talvez a demora seja decorrente da greve nos bancos, mas efetive a reclamação.

      Equipe Click Habitação

  12. Estou com dificuldades em pagar a prestação do meu imóvel, pois estou desempregao, as parcelas está em dia ainda, gostaria de saber se consigo pausar o pgto destas prestações por 90 dias ? Ouvir dizer que existe essa possibilidade, gostaria de saber.

  13. Me foi concedido o direito de pausa de 3 meses. NO financiamento atrasei o pagamento da parcela do primeiro mês após essa negociação e recebi hoje uma carta dizendo que vai para cartório. A data de pagamento para q isso não ocorresse era até 26/08 mas só hoje a carta chegou. Posso pagar essa parcela amanhã mesmo, consegui o dinheiro. Mas e agora? Será q foi para cartório? Será que já está em processo de leilão?????

    • Olá Debora

      Boa Noite! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Orientamos a efetivar o pagamento do boleto o mais rápido possível.
      Procure cumprir os acordos e evitar aborrecimentos.
      Cremos que com 1 prestação em atraso o processo de execução ainda não foi iniciado.

      Equipe Click Habitação

  14. estou com 03 PRESTAÇÕES EM ATRASO E NÃO ESTOU CONSEGUINDO PAGAR O BOLETO QUE RETIREI NO SITE, ELES FALAM PRA EU PROCURAR MINHA AGENCIA MAIS OS BANCOS ESTÃO DE GREVE, O QUE EU FAÇO?

  15. Boa tarde!

    Gostaria de tirar uma duvida, estou com duas parcelas do imóvel em atraso, gostaria de saber se posso pagar as parcelas em atraso com o FGTS? Desde já agradeço

    • Olá Rodrigo,

      Boa noite! Agradecemos sua presença no Click Habitação.
      Se você atender aos requisitos de uso do FGTS, você poderá sim usar o FGTS para pagamento de parte de prestação. É permitido o uso de até 3 prestações em atraso, porém cabe lembrar que você deverá pagar pelo menor 80% do valor total das prestações em atraso.

      Veja mais nos artigos:

      FGTS para Pagamento de Parte de Prestação
      FGTS

      Equipe Click Habitação

  16. solicitei uma incorporacao das parcelas atrasadas ao meu gerente, porem o banco entrou em greve..e agora oq eu faco?? ele nao esta lendo os emails…

    • Olá Junior

      Boa Noite! Agradecemos a presença no Click Habitação

      Orientamos a abrir um SAC no site do Banco, ele tem 5 dias para responder.

      Equipe Click Habitação

  17. Bom dia estou vendendo meu apatamento ele esta com 2 parcelas em atraso. Tem que coloca las em dia ou quando vender o banco ja desconta tudo?

    • Olá Valquiria,

      Boa tarde! Agradecemos sua presença no Click Habitação.
      Não há necessidade de pagar as prestações em atraso, no momento da liquidação o valor do atraso é somado ao Saldo Devedor.

      Equipe Click Habitação

  18. Bom dia !

    Fiz a incorporação de 3 prestações e o banco me enviou um boleto para pagamento até 12/09/2016, porém ele só vence em 02/10/2016.
    Posso pagar até o vencimento ou até a data que o banco mandou ?

    • Olá Anderson,

      Boa noite! Agradecemos sua presença no Click Habitação.
      Provavelmente o valor do boleto deve estar atualizado até 12/09. Se pagar até 02/10, talvez haja alteração de valor.
      Se você já tiver o valor do boleto, sugerimos pagar até 12/09 para não arriscar de perder a oportunidade e pagar mais.

      Equipe Click Habitação

    • Olá Flavio

      Boa Noite! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Entendemos que o prazo de vencimento do boleto deve ser o prazo para o pagamento.
      Na duvida consulte o Banco.

      Equipe Click Habitação

  19. Estou cm três prestações atrasadas E recebi a carta do cartório falando pra mim pagar a mais antiga e incorporar as demais , to em dúvida cm eles farão os cálculo me ajudam por favor devo ou não usar a incorporação .. desde já lhe agradeço..

    • Olá Manoel,

      Boa noite! Agradecemos sua presença no Click Habitação.
      Em primeiro lugar, o cartório não pode incorporar as prestações em atraso mas sim o Banco.
      O Banco irá efetuar os cálculos e efetivar a negociação.
      Para saber o cálculo, basta somar todo o valor em atraso (corrigido) mais as custas de cartório ao Saldo Devedor.
      Com o novo Saldo, o valor da prestação será corrigido proporcionalmente.
      Atentar que deve pagar o valor de entrada de pelo menos uma prestação em atraso.
      Se positivo, o Banco informa o Cartório para suspender a intimação.

      Equipe Click Habitação

    • Olá Agnes

      Boa Noite! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Esclarecemos que a “pausa” é a possibilidade do cliente do financiamento habitacional optar por não pagar 1 encargo mensal a cada 11 pagamentos efetivados.
      Mas, não há perdão do valor, o valor é incorporado ao saldo devedor do financiamento e assim será pago durante o prazo remanescente do contrato, por meio de acréscimo na prestação (a+j).
      É uma opção interessante quando se está num mês específico com muitos compromissos.

      Veja mais opções de negociação no artigo:
      Quantas prestações posso atrasar no financiamento habitacional?

      Equipe Click Habitação

  20. Olá,

    Utilizei a incorporação para regularizar algumas prestação atrasada junto a CEF, mas no boleto deste mês estão cobrando a prestação mais 4 lançamentos com o código TP 321, triplicando a prestação. Gostaria de saber quais são estas cobranças.

    Desde já agradeço a atenção.

    • Olá Weslley,

      Boa noite! Agradecemos sua presença no Click Habitação.
      Se você estava inadimplente com mais de 3 prestações em atraso, antes de efetuar a incorporação, provavelmente esses valores se referem ao processo de execução extrajudicial via intimação cartorária.
      As despesas do Banco ficam a cargo do cliente.
      Para confirmação, sugerimos verificar com a Agência ou ligar no 3004-1105 (capitais) ou 0800 726 0505 (demais capitais). Peça análise de diferença de prestação e informe o valor que está sendo cobrado a maior.

      Equipe Click Habitação

  21. Oi Patrícia, legal seu artigo.
    Poderia me esclarecer uma dúvida. Esta dúvida não esta em seu artigo.

    Saberia me informar se eu posso inverter as prestações, ou seja pela minha tabela de pagamento, as últimas prestações são menores.
    Sabe me informar se é possível fazer isso?

    Aguaro, muito obrigado!

    • Olá Josué

      Boa Noite! Agradecemos a presença no Click Habitação

      Esclarecemos que as informações na Planilha CET entregues na contratação são projeções dos valores para calculo do Custo Efetivo Total do financiamento e permitir que você compare com os demais bancos.
      Na realidade não há como efetivar o cálculo do valor antecipadamente pois não temos os índices de atualização monetária.
      E, também, não há como pagar a última parcela antes da próxima no financiamento habitacional.

      Se está com dificuldade de pagamento dos encargos mensais sugerimos verificar a possibilidade de usar o FGTS para pagamento de parte da prestação, se tiver FGTS e atender as condições de uso FGTS. Veja no artigo:
      FGTS para Pagamento de Parte de Prestação
      Como diminuir valor da prestação habitacional?

      Equipe Click Habitação

  22. Boa noite! Comprei um imóvel pelo Programa Minha Casa Minha Vida, financiado pela Caixa e com Recursos Próprios. Os recursos próprios foram para quitar a construtora; neste cenário de crise, não tenho dinheiro para quitar a última parcela intermediária, que está atrasada há 1 (um) ano. A construtora não está sendo flexível para um possível acordo, ou seja, parcelar essa dívida em prestações que caibam no meu bolso. Quanto ao financiamento junto à Caixa, este está em dia, nunca atrasei nenhuma parcela. PERGUNTA: Será que eu consigo junto à Caixa, um crédito para quitar esta parcela em atraso com a construtora e diluí-las no meu financiamento? Desde já agradeço.

    • Olá Sergio

      Boa Noite! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Esclarecemos que são dívidas separadas e não podem se juntar.
      Não pode incorporar ao financiamento dívidas oriundas da sua dívida com a Construtora.

      Você poderá efetivar um empréstimo comercial para quitar a dívida, mas precisa verificar se é vantajoso. Uma consignação que tem juros mais baixos possa ser uma alternativa.

      Uma alternativa para lhe sobrar mais nos pagamentos das prestações do financiamento seria o uso do FGTS, se tiver, para pagamento de parte da prestação. Veja no Artigo:
      FGTS para Pagamento de Parte de Prestação

      Procure ajuda do PROCON para tentar negociar a dívida com a Construtora, talvez possam encontrar uma saída.

      Equipe Click Habitação

  23. Boa tarde, não estou com nenhuma prestação em aberto, pois mês passado usei o beneficio da incorporação das parcelas em atraso ao saldo devedor para ficar em dia (MAS USEI APENAS UMA PARCELA QUE ESTAVA EM ATRASA E APENAS UMA VEZ). Esse mês vou ter que atrasar novamente, será que posso solicitar essa incorporação novamente? Quantas vezes podemos usar?

  24. Boa tarde Patricia!

    Estou advogando para um cliente que contratou financiamento habitacional com a CEF e teve duas parcelas em atraso incorporadas ao saldo devedor. Gostaria de saber a fundamentação legal para tal fato visto que não localizei essa previsão no contrato bem como o prazo minimo para esta incorporação.

    Obrigado pela atenção!

    • Olá Rafael,

      Boa Tarde! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Considerando que não existe previsão no contrato entendemos que deve ser requerido o cancelamento da incorporação pelo Banco e efetivar o pagamento das parcelas que foram incorporadas ao saldo devedor.
      É uma solução bem simples. E cremos que o banco não terá óbice na efetivação.

      Equipe Click Habitação

  25. Bom dia tenho um financiamento desde Setembro do ano passado e agora estou com 3prestações em atraso posso usar o fgts para pagar e incorporar o restante…

    • Olá Carlos

      Boa Tarde! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Esclarecemos que não existe modalidade de uso do FGTS para pagamento de prestações, muito menos em atraso.

      O que existe a modalidade de uso do FGTS para pagamento de parte de prestação, limitado a 80% de cada encargo, e pode ser efetivado com até 3 prestações em atraso.
      Você terá que ter saldo do FGTS para o período de 12 meses no momento da negociação.
      Veja detalhes no artigo:
      FGTS para Pagamento de Parte de Prestação

      Orientamos a procurar o banco e verificar as condições de negociar.

      Equipe Click Habitação

  26. Tenhp csa financiada na cef . Estou c 2 em atraso
    Recebi notificação d cartorio… c boleto p eu pagar mais antiga e incorporar as demais
    Ja paguei . Quero saber o tempo q a caixa leva p da baixa

    • Olá Simone,

      Boa Tarde! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Acreditamos que seja rápido, mas obter informações mais concretas sugerimos ligar para 0800-726-8068 – opção 8, que possibilita receber de imediato a informação de contato da empresa externa ou área da CAIXA encarregada da cobrança e negociação do contrato.

      Equipe Click Habitação

  27. boa noite srs.

    atrasei um ano minha casa agora o banco nao que negociar para que possa voltar a pagar como acha que devo resolver.

    • Olá José Célio

      Boa Noite! Agradecemos a presença no Click Habitação

      Entendemos que 1 ano de atraso é muito tempo e o suficiente para o banco iniciar a execução e retomar o imóvel.

      Verifique se o imóvel já teve a propriedade consolidada pelo banco, pois neste caso não haverá negociação administrativa possível.

      Se imóvel ainda não tiver sido retomado você deverá arrumar o valor para pagamento, utilize o FGTS, se tiver, como moeda negociação.
      Venda outros bens que possam ser utilizados para dar a entrada.
      E como ultima alternativa venda o imóvel para recuperar o valor investido ou pelo menos parte dele.

      Sugerimos a leitura do artigo:
      Quantas prestações posso atrasar no financiamento habitacional?

      Equipe Click Habitação

  28. Boa tarde,
    O Construcard com 5 parcelas em atraso dá a possíbilidade de paga-las normalmente ou o contrato/sistema só permite renegociação?
    Grato.

    • Olá João

      Boa Tarde! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Esclarecemos que após 60 dias de atraso (3 parcelas) deverá procurar o gerente do banco para efetivar os pagamentos.
      Cremos que é possível pagar sem renegociar. Precisa ver a sua conta se está ativa. Converse com o Gerente.

      Equipe Click Habitação

  29. Prezados, estou necessitando de orientação para o seguinte caso: temos uma casa financiada pela CEF (no interior de PE.) e por dificuldades financeiras, vez por outra meu irmão atrasa o pagamento das parcelas. Temos sempre negociado com a Cx. e pagamos todo as parcelas em atraso com juros e correção. Contudo, todas as vezes a Cx. para aceitar esse pagamento exige que paguemos os honorários de advocacia, qdo não existe nenhuma ação ajuizada e nenhum advogado tomou parte do acordo. E sempre são valores altos que dificultam o pagamento das parcelas em atraso. Isso está certo? (a exigência de honorários advocatícios?). Aguardo resposta. Muito obrigada.

    • Olá Maria Helena

      Boa Tarde! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Esclarecemos que provavelmente são custas de cobrança (Notificações, Avisos, telegramas) e despesas com Cartório, pois a execução é efetivada por meio do Cartório de Imóveis.
      Cremos que você poderá solicitar na agência a discriminação das despesas.

      Orientamos a negociar o contrato de forma de fique dentro da capacidade de pagamento, evitando atraso e pagamento de custas desnecessárias como as citadas.

      Equipe Click Habitação

  30. Eu preciso fazer o pedido de incorporação das prestações da caixa que estão em atraso.
    Eu entrei em contato com a gerente da Caixa Econômica e ela me pediu que fizesse uma carta de proprio punho explicando o motivo do atraso, e solicitando a incorporação das prestações em atraso.
    Eu não sei fazer esta carta, será te você teria um modelo de carta para que eu possa fazer parecido, ou tenha como base para fazer a minha ?
    Desde já agradeço

    Att: Fábio

    • Olá Fabio,

      Agradecemos sua presença no Click Habitação!
      A carta de próprio punho é uma carta escrita a mão e assinada onde você explica os motivos que levaram ao não pagamento das prestações.
      Ao final, informar uma proposta de negociação, lembrando que deve ser oferecido um valor de entrada para a negociação, se aprovado.
      A análise do seu pedido será feito pela CAIXA bem como a verificação das suas condições atuais, para confirmação de que você tem condições de pagamento em dia após a incorporação.

      Equipe Click Habitação

  31. estou com dificuldades de colocar as nove prestaçoes da casa em dia, a casa esta toda rachada as paredes o que faço, como consigo coloca- em dia?

  32. Qual seria a fundamentação para o valor da dívida de um imóvel que teve seu pagamento suspenso?
    Seria o saldo devedor do financiamento até a data da realização do último pagamento ou o valor das parcelas restantes (que não foram pagas) até o final do financiamento?
    Ou a soma dos dois: saldo devedor mais prestações atrasadas.
    Obrigada.
    Leila Motta

    • Olá Leila,

      Bom dia! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Em tese o valor da dívida total será sempre o saldo devedor atual somando-se o valor dos encargos não pagos com os acréscimos moratórios e multa, na mesma data da apuração do saldo devedor.

      Equipe Click Habitação

  33. Olá ! Gostaria de esclarecer uma dúvida: Comprei um imóvel, que está financiado pela Caixa Econômica, de um casal amigo, via contrato de gaveta. Todos os meses, eu depositava o valor da prestação na conta deles, pois, ela era em débito automático e eu decidi manter assim, para continuar desfrutando dos juros mais baixos, oferecidos para prestações em DCC. Entretanto, eles possuíam um financiamento de CONSTRUCARD, também em débito automático, nesta mesma conta, qua vencia antes da prestação da habitação, e eles sempre atrasavam. O banco, ao invés de debitar a prestação da Habitação que eu depositava, debitavam a prestação do CONSTRUCARD. Conclusão: duas prestações foram incorporadas ao saldo devedor. Eles estão dispostos a pagar estas parcelas incorporadas, para que a prestação volte ao valor original. Entretanto, a Caixa Econômica informa que esta modalidade de amortização não existe. Todo valor que for pago será abatido nas parcelas finais, ficando as parcelas atuais neste mesmo valor. Gostaria de saber se isso é legal, uma vez que a Caixa Econômica não fez, para eles, nenhuma comunicação formal sobre as referidas incorporações.
    Grata

    • Olá Mirian

      Boa Tarde! Agradecemos a presença no Click Habitação.

      Esclarecemos que provavelmente as parcelas não pagas ficaram “puladas” e o Banco optou por incorporar ao saldo devedor.

      Considerando que as prestações foram quitadas por estarem puladas o Banco deu quitação e lançou o valor no saldo devedor. Basta efetivar a amortização relativa aos valores não quitados, sem entrar no mérito da operação feita pelo banco.

      A outra opção é exigir o cancelamento da incorporação e efetivar o pagamento das parcelas, neste caso haverá incidência de juros moratórios, remuneratórios e multa sobre os valores em atraso e deverão ser pagos pelo atuais mutuários.

      Verifique a melhor opção para você.

      Com relação ao contrato de gaveta orientamos a regularizar a situação, pois “somente é dono quem registra” diz o ditado.
      Existem riscos para comprador, em especial no caso do falecimento dos titulares do financiamento.
      Outra questão é que você está pagando seguro em nome deles, e assim sendo, você não tem cobertura do seguro.
      Sugerimos a leitura do nosso artigo:Contrato de Gaveta – O que é e os seus riscos

      Equipe Click Habitação

  34. Bom minha casa todo mes tenho q pagar antes de eeixar a terceira prestação atrasar tem com renegorcia as atrasada e comeca a pagar em dia

  35. oi preciso de sua ajuda com minha situação tenho prestações em atraso e preciso negociar mais não a caixa não consegue mais efetuar a incorporação .

    PODE ME AJUDAR\?

    • Olá Genesis,

      Boa noite! Agradecemos sua presença no Click Habitação.

      Devido ao atual cenário econômico e pelo aumento da inadimplência principalmente desde o início do ano, tem se percebido uma política mais rígida na negociação das dívidas em atraso pelos Bancos.

      O ideal é evitar essa situação para que não haja risco de execução extrajudicial da dívida e possível retomada.

      Uma boa opção é o uso do FGTS para pagamento de até 80% da prestação. Caso você tenha até 3 prestações em atraso e tiver saldo na conta vinculada do FGTS, pode solicitar a CAIXA.

      Por se tratar de financiamento CAIXA, indicamos o seguinte formulário para solicitar uma possível negociação do atraso.

      https://www1.caixa.gov.br/casa/produtos/renegociacao/form_hab.asp

      Se tiver enquadrado no uso do FGTS, deixe claro essa possibilidade no formulário.

      Sugerimos também a leitura dos seguintes artigos:

      Cartilha de Renegociação Habitacional CAIXA
      Pagamento da prestação com FGTS

      Click Habitação
      Fique atualizado com o conteúdo do Click Habitação!
      Inscreva-se no site: http://www.clickhabitacao.com.br/
      ASSINE NOSSO NEWSLETTER

DEIXE SUA PERGUNTA, COMENTÁRIO OU SUGESTÃO.